SPLA : Portal da diversidade cultural
Moz'Art

Morte de Venâncio Mbande deixa cultura moçambicana de luto

Publicado em : 01/07/2015
Fonte : Blog: Mocambique para Todos

Compartilhe :

Perdeu a vida no Hospital Central de Maputo


Em plena celebração dos 40 anos da independência nacional, morreu o músico, marimbeiro e percursor da timbila, Venâncio Mbande,vítima de doença, deixando a cultura moçambicana de luto.



O músico tinha 82 anos de idade e não resistiu a uma doença que o apoquentava já há algum tempo, e esta semana a sua saúde piorou e foi internado no Hospital Central de Maputo (HCM) onde viria a perder a vida, e se calava para sempre a voz de um exímio tocador de timbila e dançarino de ngalanga.



Venâncio Mbande deixa um disco intitulado "Timbila ta Venâncio" e o reconhecimento internacional da Timbila como Património da Humanidade, atribuído pela Organização das Nações Unidades para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), mas também a Medalha da Ordem Bagamoyo atribuída pelo Estado moçambicano em 2014.




O mestre Venâncio Mbande começou a envolver-se com a música aos sete anos de idade cantando e dançando ngalanga, uma dança originária da sua terra natal, Inhambane.



Mbande representou Moçambique em vários países com destaque para Portugal, Estados Unidos da América, Alemanha, Holanda e Inglaterra sempre a tocar timbila e a dançar ngalanga.



Na sua terra natal, Venâncio Mbande sempre esteve envolvido no desenvolvimento da timbila a par da sua carreira musical e, nos últimos anos, era a principal atracção no Festival M´saho, que decorre habitualmente no mês de Agosto, na vila municipal de Quissico.


Deixe um comentário !

Deixe-nos as suas impressões, comentários, sugestões, para melhorar o novo web site do Sulplaneta. Não hesite a reportar qualquer bug que podia encontrar.

Parceiros

  • Arterial network
  • Iverca