SPLA : Portal da diversidade cultural
Moz'Art

Mário Macilau Homenageado na 1ª Bienal de Lagos

Gênero : Comunicados
Contacto David Bamo
Rúbrica : Fotografia
Publicado em : 13/04/2017
Fonte : SóArte Media

Compartilhe :

O fotógrafo moçambicano, Mário Macialu, será homenageado na Primeira Bienal de Langos, na Nigéria. A homenagem ao artista moçambicano, circunscreve o tema da bienal "Vivendo no limite", que foi também o título de um dos projectos elaborados por Mário Macilau em 2012 e pretende reconhecer os seus esforços em desenvolver projectos que serviam como instrumentos de intervenção social.
Com a acção, a bienal procura interrogar as experiências de artistas contemporâneos em situações de crise e em torno da mesma. Aliás, o tema pretende explorar as realidades contemporâneas das interpretações temáticas abertas pelas obras a serem exibidas, empurrando a ideia de "borda" para seus limites geográficos e psicológicos mais amplos.
Organizada pela Fundação Akete Art, a Primeira Edição da Bienal de Lagos, será realizada de 14 de Outubro a 22 de Dezembro de 2017, em seis locais diferentes da cidade de Lagos e vai apresentar mais de 40 artistas internacionais de 20 países, nomeadamente: França, Irão, Moçambique, Quénia, Noruega, Afeganistão, Alemanha, Suíça, Coreia do Sul, Etiópia, Angola, Senegal, Grécia, Reino Unido, Suécia, Espanha, Egipto, Rússia e Nigéria.
A Bienal de Lagos pretende situar Lagos no mapa como uma das principais capitais de arte do continente africano. Dado o imenso talento gerado por sua energia artística contemporânea, sua história ilustra no ciclo artístico e não só, sua população em expansão e influência económica, e este evento é um elemento fundamental para perpetuar essa história de Lagos em termos de artes e cultura.
"Lagos deve ser um centro para o pensamento crítico e intercâmbios artísticos internacionais. A cidade deve encarnar uma abordagem mais globalizada do tema da arte e não deve ser dirigida apenas por ideologias afrocêntricas, mas sim abraçar a simplicidade unificadora da experiência humana ", diz Folakunle Oshun, director artístico fundador da Bienal de Lagos.

Deixe um comentário !

Deixe-nos as suas impressões, comentários, sugestões, para melhorar o novo web site do Sulplaneta. Não hesite a reportar qualquer bug que podia encontrar.

Parceiros

  • Arterial network
  • Iverca